23 de maio de 2009

Uma decisão acertada



O facto de ter acontecido há mais de um ano não impede que consideremos hoje uma decisão acertada a abertura, à circulação pública, do pórtico do edifício da Reitoria da Universidade do Porto, que esteve encerrado durante dezenas de anos.



Para além de aproximar a instituição da cidade aquela opção permite-nos usufruir de novas perspectivas da praça que, apesar de ter o nome do matemático e primeiro reitor da U.P., Gomes Teixeira, é popularmente conhecida como sendo dos Leões.



Este nome advém-lhe dos quatro leões alados do chafariz que a ornamenta, de cujas bocarras jorrou outrora água em abundância.

9 comentários:

Donagata disse...

Que perspectivas extraordinárias da Praça dos Leões, Está bem Gomes Teixeira! E da Igreja do Carmo. Como dizes foi efectivamente uma decisão acertada.

Duarte disse...

Pedras cheias de historia que seguirão escutando historias... os nomes, que mais dá!
Sempre gostei desse efeito de dentro para fora.
Como sempre, boas fotografias.

Um abraço

cristina disse...

Aí passei todos os dias durante vários anos...

Quanto à fonte, há quem faça questão de assinalar que os bichos são grifos e não leões. Mas, como dizes, a Praça há-de ser sempre destes (muito mais que dos grifos ou do Gomes Teixeira).

douro disse...

Tem toda a razão: uma optima decisão. Posso utilizar uma destas suas fotos para assinalar este facto no Nortadas?

Carlos Romao disse...

Cristina,
O escritor António Rebordão Navarro refere-se aos bichos, no poema Praça dos Leões, assim:

Das bocas dos leões pode jorrar a água,
Das suas pestanas pode tombar o rímel,
Dos seus dedos anéis sobre os cinzeiros
(...)

Se fossem grifos teriam bicos no lugar das bocarras escancaradas.


Douro,
Sim, pode usar uma das fotos no Nortadas.

cristina disse...

Tens razão nisso dos bicos. Adopto, então também os "leões alados" =)

C.C. disse...

O Porto é extraordinariamente fotogénico;e o Carlos sabe muito bem realçar-lhe essa qualidade.
Muitos parabéns.

Lurdes disse...

E onde aconteceu o meu baptismo académico!!!! Ahhhhhhhhhh, saudade...

Beijinhos

ssru disse...

atravessar a Praça por esta galeria em dia de tórrido Sol é, sabemos bem, uma experiência inolvidável, um simples prazer imperdível, quer o nosso caminho seja errante ou determinado.
comprovem!