5 de fevereiro de 2009

Retratos da Invernia - VI





4 comentários:

C.C. disse...

Surpreendente,surpreendente, é o que esta objectiva nos mostra; em cada fotografia,sentimos um - ah!... de surpresa.
Que a invernia continue para nosso deleite.

Duarte disse...

Não posso resistir, sou perseverante, é a minha condição: obrigado Carlos, por trazer-me o meu Porto tão perto.

De Amor e de Terra disse...

Há muito tenho passado, apressada, chegando e partindo sem deixar rasto.
Mas hoje, aqui estou!
Olho extasiada esta beleza de bruma
e enquanto a névoa me penetra a alma e os sentidos, sonho poemas que um dia hei-de parir.
Obrigada!
Beijo Amigo
Maria Mamede

cduxa disse...

Parabéns por partilhar imagens tão fantásticas do nosso Porto, parabéns pelo blog (o qual estou a seguir)