27 de novembro de 2009

O Vista Douro



Parece um rebocador mas não é. É o Vista Douro, um dos barcos que transportam turistas rio acima entre o Porto e a Régua. Com 24 metros de comprimento tem capacidade para 120 pessoas. Ei-lo cruzando a Ponte Luís I a caminho do cais de Gaia.

10 comentários:

douro disse...

Este meu primo tem motor

Santos, o Velho disse...

Isso de cacilheiros são coisas da mourama, de gajos eruditos. A mim parece um elefante :)

Anónimo disse...

Porto de asas cortadas

Publicado por PauloMorais em 26 Novembro, 2009

“É urgente transferir para a esfera regional a propriedade e a gestão do Aeroporto Francisco Sá Carneiro. Só independente, o Aeroporto do Porto sobreviverá. Integrado na rede nacional da ANA, será apenas uma filial do Novo Aeroporto Internacional de Lisboa, um apeadeiro periférico de Alcochete.”
JN.

Fernando Torres disse...

Uma bela fotografia, "just in time" ou o resultado de uma paciente emboscada.
Abraço do Torres escrevinhador

Anónimo disse...

Air Race: Comerciantes do Porto apelam a boicote aos patrocinadores

ASSOCIAÇÃO PREOCUPADA COM EVENTUAL DESLOCALIZAÇÃO DA PROVA PARA LISBOA



A Associação dos Comerciantes do Porto apelou ao boicote aos produtos das empresas TMN, Galp e EDP, que patrocinam o Red Bull Air Race, como forma de protesto contra a eventual deslocalização do evento para Lisboa.

"São muitos os prejuízos diretos e indiretos que a deslocalização do Red Bull Air Race trará para o nosso comércio, para os nossos comerciantes", declarou o presidente da Associação dos Comerciantes do Porto (ACP).

Em comunicado, Nuno Camilo diz que "não se compreende como é que os grandes patrocinadores do evento, TMN, EDP e Galp, têm nos seus conselhos de administração elementos nomeados pelo Governo e não se ouvem vozes de preocupação referentes ao comércio nesta região".

"A taxa de desemprego no distrito do Porto é uma das mais elevadas do país, mas mesmo assim não existe preocupação do poder central em promover a região", criticou.

É neste contexto que a ACP apela "ao boicote no consumo dos produtos da TMN, Galp e EDP", acrescentando que "só falta tirarem o vinho do Porto e o Futebol Clube do Porto à região do norte".

A ACP recorda que "as corridas Red Bull Air Race são uma excelente forma de promoção turística da região e uma verdadeira oportunidade para dinamizar e fortalecer o comércio tradicional".
In record

analima disse...

Tenho passeado por esta cidade (e pela outra) transportada pelos “Caminhos de Ferro Vale da Fumaça”. Apesar de adorar Lisboa, considero o Porto uma cidade especial. A isto talvez não seja alheio o facto de uma das minhas avós ter nascido em Miragaia. Gostei do blogue.

Anónimo disse...

Sugestão:

Ler no ReflexãoPortista o artigo "Nós só Queremos Lisboa a arder"

Anónimo disse...

Air Race: Rui Moreira desafia Turismo de Portugal a tomar posição

"O Porto tem sido permanentemente mal tratado pelo Instituto de Turismo de Portugal", afirmou Rui Moreira.

O presidente da Associação Comercial do Porto (ACP) desafiou hoje o Turismo de Portugal a tomar uma posição sobre a deslocalização da Red Bull Air Race do Porto para Lisboa

"Gostava de saber o que o Instituto do Turismo de Portugal tem a dizer sobre esta matéria", afirmou Rui Moreira à Lusa, realçando que "os patrocinadores são livres de fazerem o que entenderem, mas o que me interessa mais é a questão dos dinheiros públicos".

Em declarações à Lusa, o presidente da ACP reforçou que "seria conveniente que esclarecesse qual é o seu pensamento estratégico sobre esta matéria até porque foi feito um estudo de impacto económica na região" que provou ter "uma vantagem muito significativa".

"O Porto tem sido permanentemente mal tratado pelo Instituto de Turismo de Portugal", afirmou Rui Moreira, acrescentando que não contesta a partida por "razões bairristas", mas pelo impacto económico que tem para a região.

Em relação aos patrocinadores, o empresário diz que "estão no livre direito de tomarem as opções que tomarem", mas considera que a polémica sobre a localização do evento pode levar os patrocinadores a abandonarem a prova.

"E aí nem vêm para Lisboa nem para o Porto. Vai-se acabar por estragar isto tudo e não faltam cidades na Europa interessadas", alertou.

O presidente da ACP considera que são os dinheiros públicos e não os patrocinadores que determinam a transferência do evento.

A Associação dos Comerciantes do Porto apelou terça-feira ao boicote aos produtos da TMN, GALP e EDP, que diz serem os patrocinadores do Red Bull Air Race, como forma de protesto à eventual transferência do evento para Lisboa.

A TMN, a Galp e a EDP já reagiram ao apelo, dizendo que não são patrocinadoras do evento. Fontes da EDP e Galp dizem que nunca patrocinaram a prova e a TMN esclarece que apoiou a prova nos últimos dois anos, mas que não apoiará no futuro, independentemente da localização.

Na última semana, o Norte tem falado a uma só voz contra a deslocalização do Red Bull Air Race, que, na última edição, levou às margens do Douro um milhão de pessoas.

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal disse que não acredita "minimamente" na eventual transferência para Lisboa, acrescentando que tem mantido contactos para manter a prova no Porto.

A empresa promotora da Red Bull Air Race disse à Lusa que "continua a trabalhar com as entidades competentes" para garantir a realização do evento em Portugal, adiantando que o calendário e mais informações sobre a prova serão divulgados "oportunamente".

Os deputados do PSD eleitos pelo círculo do Porto enviaram um requerimento ao ministro da Economia, Viera da Silva, perguntando sobre a eventual deslocalização da Red Bull Air Race para Lisboa.

O presidente da Câmara de Gaia, Luís Filipe Menezes, considerou, também hoje, como "mais uma atitude discriminatória do Estado" e o presidente da Câmara do Porto criticou esta eventual transferência, acusando o poder central de falta de bom senso e de não promover o equilíbrio do país.
JN

Anónimo disse...

Assinem

Assinem. Pode ser que esta "guerra" da Red Bull possa ser a gota que faça transbordar o copo.

Petição contra a centralização: http://www.peticao.com.pt/centralizacao

Blogue renovaroporto

dragao vila pouca disse...

Meu caro Carlos Romão, parabéns por este magnífico blog que vou linkar.

Um abraço