6 de setembro de 2011

O Águia d'Ouro


Oitenta anos após a sua construção, em 1931, a fachada que foi o rosto do Café e do Cinema Águia d’Ouro surge renovada, neste Verão de 2011, para acolher um hotel.
Veja também o interior do velho cinema e a fachada, antes desta intervenção, n’ A Cidade Deprimente.

8 comentários:

C.C. disse...

Pois, mas eu preferia vê-lo cinema.
E fazem falta salas em cinemas. Detesto essas salas nos super-mercados

mfc disse...

Uma reabilitação que se impunha há muito!

Anónimo disse...

Que bom que foi recuperado, pena ser para um hotel, seria bom se continuasse como cinema, fui lá muitas vezes e uma delas não me queriam deixar entrar pois pensaram que eu era menor, mas já ia casar e tinha 22 anos...lol
Beijo,theo

Menina Marota disse...

Lembro-mr tão bem! Cheguei a ir lá muitas vezes com a minha filhota!!!

Aurora disse...

O cinema Art Deco devia ser muito bonito, a avaliar pelas imagens no seu outro blog.

C.C. disse...

Só agora reparo nas cadeiras! Que giras que são!

Carlos Romao disse...

As cadeiras estiveram à porta do cinema Batalha, quando por lá havia um BAR.

Duarte disse...

A nossa cidade necessita de hotéis com requinte: apoio a ideia. Mesmo reconhecendo a necessidade dos sítios de lazer.
Estive há dias em frente do São João, não é uma pena que permaneça assim!

Abraços