5 de janeiro de 2005

E La Nave Va



A igreja dos Clérigos vista de um dos janelões da torre surge como um navio visto da ponte de comando, deslocando-se lentamente, como um zepelim num sonho, sobre o casario da cidade. Ou não tivessem sido Niccolo e Federico, para além de compatriotas, sonhadores e visionários...

2 comentários:

Anónimo disse...

é verdade! mas para onde parte esse navio?

Carlos Romao disse...

Pode ter partido para a Casa da Música... quem sabe?