27 de abril de 2005

Cores do pôr-do-sol...



... nas clarabóias da Bolsa ...



... nas fachadas do Infante ...



... e nos plátanos da Cordoaria.

13 comentários:

guevara disse...

E que lindo é o 'meu' Porto!
E como bem conheço este Sol, nestas paredes...

su disse...

Fico sempre com saudades quando aqui venho. Interessante registo Carlos.

Periférico disse...

Viva o Porto!!!

Para quem acha que o Porto é uma cidade escura e triste aqui estão umas belas fotos para o desmentir!

Um abraço

Bela disse...

Se o Porto fosse meu?eu havia de partilha-lo com os outros.
Da mesma maneira que o Carlos nos expõe estas maravilhas!

amie disse...

Isto só pode ser provocação!ZZZzzZZZzz
Tenho que trabalhar jóbem!:)

eduarda maria disse...

belas fotos belissimas.
só sou do porto ao nível do admirador, e é sempre bom lá voltar

espumante disse...

Soberbas fotos estas...
Um abraço

Olharinterior disse...

Embriagada com tao belas fotos.

Avidez disse...

Fui visitar o Palácio da Bolsa e zona circundante neste dia 27. Que gira coincidência teres colocado aqui fotos desse sítio no mesmo dia:)

Luis Silva disse...

Boa noite. É só para dizer que o destaque da semana no meu blog calhou ao seu.

Anónimo disse...

Ai que saudades do meu Porto... Sempre adorei a cidade. Pela beleza, pelas gentes... Mas agora, que por razões de ordem profissional resido bem longe, sinto um crescente amor por esta bela cidade. E é ver-me, quando vou ao Porto, como uma criança a (re)descobrir um dos paraísos do nosso (belo) país...
Obrigada por estas lindas fotografias que me deixam com uma terna nostalgia...

kiko disse...

Lindíssimo sem dúvida... mas trabalhar com essa luz nos olhos, é de ficar louco!!

Mendes Ferreira disse...

bom então é assim eu não sou do Porto, sou de Lisboa de Marraqueche da Jordania e de quase todos os desertos...mas amo quase que absurdamente o Porto onde aliás vou pouco demais e só me "escrevo" aqui porque fiquei (pouco original confesso) SEDUZIDA DERRETIDA E SEDUZIDA (outra vez, sim) por este Porto aqui trazido exposto desvendado e "portificado" por uma luz e talento-paixão fantásticos.Hà muitos (alguns) anos escrevi um artigo no D.N. sobre este seu-nosso Porto.Quando o reencontrar trago-o aqui, se o permitir, é claro. Obrigada por tanta beleza.